Canadá

Roteiro de 10 dias no Canadá

Conheça nosso roteiro de 10 dias no Canadá. Veja todas as dicas e informações dos melhores destinos para visitar neste país. O período de 10 dias é o ideal se você quer conhecer melhor algumas das maiores e mais famosas cidades canadenses, como Toronto, Ottawa, Montreal e Quebec. Então, veja o nosso roteiro que preparamos de 10 dias no país.

Quebec no Canadá

E depois não deixe de ver a matéria de como economizar muito em sua viagem no Canadá. É a matéria mais acessada do blog e vai te ajudar muito com todo o planejamento da viagem. São várias dicas imperdíveis que vão fazer você economizar MUITO (muito mesmo) e montar toda a sua viagem para o Canadá.

Toronto: três dias

Toronto é a maior cidade do Canadá. Localizada na margem norte do Lago Ontário, um dos cinco Grandes Lagos, a cidade traz diversas atrações turísticas, ótimos restaurantes, lojas e uma vida noturna bem agitada. Não importa quanto tempo você vai ficar por lá, sempre vai ter alguma coisa para fazer.

Vista de Toronto no Canadá

Uma dica é comprar o CityPASS Toronto para economizar nos ingressos. Ele dá entrada para cinco das principais atrações turísticas de Toronto e o valor sai 43% mais baixo do que você ia gastar se fosse adquirir os tickets separadamente. É sensacional, pois além dos ingressos saírem muito mais barato, você não pega fila na bilheteria das atrações. Abaixo, listaremos três atrações que você não pode deixar de conhecer no seu primeiro dia em Toronto:

1) Conheça a CN Tower em Toronto

A CN Tower é o maior símbolo de Toronto e não pode ficar de fora do seu roteiro de viagem. Com mais de 553 metros, esta atração permite que seus visitantes tenham uma vista fantástica da cidade de Toronto. Além de passeio turístico, é importante destacar que ela é a mais importante antena de comunicação (rádio e canais de televisão) de todo Canadá. Para você ter uma ideia da importância da CN Tower, ela recebe anualmente mais de um milhão de turistas, número que está aumentando desde o início de sua história, em 1975.

Endereço: 290 Bremner Blvd, Toronto;
Duração: entre 1 e 2 horas;
Horário de funcionamento: 9h às 22h30;
Ingressos: $39 (adultos) / $26 (maiores de 65 anos ou jovens entre 6 e 13 anos) / $13 (crianças entre 3 e 5 anos).

CN Tower em Toronto 

2) Visite o Ripley’s Aquarium of Canada

Você já imaginou conhecer um complexo aquático com mais de 5 milhões de litros, 13 mil seres vivos e 450 espécies? Se a sua resposta foi sim, você não pode deixar de visitar o Ripley’s Aquarium of Canada em Toronto. Por lá você encontrará tanques gigantes, que dão a impressão de estar realizando um verdadeiro e profundo mergulho. O local é incrível, uma experiência única e muito informativa, que você não pode deixar de incluir no seu roteiro de viagem por Toronto.

Endereço: 288 Bremner Boulevard – Toronto;
Duração do passeio: cerca de 2 horas;
Horário de funcionamento: das 9h às 23h;
Ingressos: $39 (adultos) / $26 (maiores de 65 anos ou jovens entre 6 e 13 anos) / $13 (crianças entre 3 e 5 anos).

Ripley’s Aquarium of Canada

3) Finalize o dia no Rogers Centre

Esta região de Toronto, onde estão localizadas as atrações acima, é conhecida como Entertainment District. Isso porque tem várias opções de lazer e entretenimento para curtir à noite. E, se você for no verão, não deixe de conferir a programação do Rogers Centre. Os canadenses são apaixonados pelo Baseball e o Rogers Centre é o estádio mais famoso de Toronto, casa do Toronto Blue Jays Baseball Club. Os jogos acontecem a partir de abril até outubro (primeira semana, aproximadamente) e uma partida no estádio é sensacional.

Rogers Centre em Toronto

Dia 2 em Toronto

Separamos o segundo dia em Toronto para algumas atrações turísticas e, também, comprinhas (como você terá mais tempo por lá e é uma das melhores cidades com centros comerciais, nada como aproveitar!). Os destaques abaixo ficam bem próximos e dá para fazer tudo a pé.

1) Passeie no Royal Ontario Museum

O Royal Ontario Museum, chamado em Toronto de ROM, é uma das maiores atrações turísticas desse destino. O local possui uma história na cidade desde 1914, passando por várias expansões e reformas. Por lá você encontrará um acervo muito rico, cercado por objetos que vão desde a Grécia Antiga até a história do Japão, bem como móveis europeus, animais e até exposição de dinossauros. O complexo ainda conta com uma sessão sobre biodiversidade, sendo uma das mais interativas e educativas do Royal Ontario Museum.

Endereço: 100 Queens Park, Toronto;
Horário de funcionamento: das 10h às 17h30 (fechado nas terças-feiras);
Ingressos: $23 (adultos) / $18 (maiores de 65 anos ou jovens entre 15 e 19 anos) / $14 (crianças entre 4 e 14 anos) / Gratuito (menores de 3 anos).

Royal Ontario Museum

2) Caminhe pelo Queen’s Park e arredores

Depois de visitar o museu, conheça o Queen’s Park e suas atrações ao redor. Entre elas, destacamos uma das construções mais bonitas da cidade, que é o Ontario’s Legislative Building – onde é possível fazer um tour gratuito -, e a University Of Toronto, um dos sonhos de muitos estudantes que vão ingressar na faculdade. Na mesma região, não deixe de conferir a Bloor St, principalmente quando ela se encontra com a Yonge St, que é um ponto bem bacana (e bem caro) para compras.

Bloor St emToronto

3) Conheça a Yonge-Dundas Square

Aproximadamente um quilômetro distante do Queen’s Park, está a Yonge-Dundas Square – um lugar mais acessível para compras (não que seja barato, mas não são lojas de grife, como na Bloor St com a Yonge St). A região traz diversas marcas de departamento, lojas de rua, shoppings, restaurantes e bares. Inclusive, é onde está localizado o Toronto Eaton Centre, o principal shopping da cidade.
Yonge-Dundas Square em Toronto

Dia 3 em Toronto

Você pode reservar o terceiro dia em Toronto para conhecer a belíssima Casa Loma de manhã e se despedir da cidade para seguir caminho para Ottawa. A viagem entre essas duas cidades dura cerca de 4h30 de carro, mas saiba que o trajeto fica bem mais curto (cerca de 50 minutos) de avião, sendo esta uma ótima opção para quem não deseja alugar um veículo.

1) Visite a encantadora Casa Loma

Conhecer um castelo em Toronto? Sim, saiba que neste famoso destino turístico canadense você encontrará também um dos mais bonitos castelos do mundo! Criado por Henry Pellatt, um canadense muito rico da área das finanças no século XX, este castelo ficou pronto em 1914. Após dez anos vivendo nesta casa, o seu dono veio a falecer e a Casa Loma tornou-se um hotel e, depois, uma casa noturna, até ser abandonada. Atualmente, este é considerado um dos pontos turísticos mais incríveis de Montreal e não pode ficar de fora do seu roteiro de viagem por lá.

Endereço: 1 Austin Terrace, Toronto;
Duração do passeio: de 2 a 3 horas;
Horário de funcionamento: 9h30 às 17h;
Ingressos: $32,49 (adultos) / $27,32 (maiores de 65 anos) / $22,15 (crianças de 1 a 13 anos).

Casa Loma em Toronto

Ottawa: dois dias

A charmosa capital do Canadá está recheada de atrações turísticas super importantes para a história do país. Como está próxima de Toronto, o acesso por carro é bem tranquilo. Em dois dias por lá, dá para conferir algumas de suas principais atrações, como a Colina do Parlamento, o Rideau Canal, a Catedral de Notre-Dame, a Galeria Nacional do Canadá e o Major’s Hill Park. Como é pequena, não precisa de muito mais tempo.

1) Comece na Colina do Parlamento

A Colina do Parlamento deve ser a primeira atração na sua lista do que fazer em Ottawa, pois é onde está o Parlamento do Canadá. Composto por três edifícios em estilo gótico, localizados em uma colina, o parlamento pode ser visitado por turistas e tem entrada gratuita. É possível visitá-lo sozinho ou fazer um tour guiado (em inglês ou francês), onde dá para conhecer a estrutura interna da construção, além de saber mais sobre o funcionamento do senado e da história do Canadá.

Colina do Parlamento em Ottawa

Um dos destaques dessa atração é chegar em um patamar no alto da torre, que proporciona uma vista panorâmica belíssima dos arredores. Do lado de fora, não deixe de reparar nela, conhecida como Peace Tower, que tem mais de 92 metros de altura e foi construída em homenagem aos 65 mil canadenses que morreram na Primeira Guerra Mundial.

Endereço: Wellington St, Ottawa;
Horário de funcionamento: de segunda a quinta-feira das 8h30 às 18h / sexta-feira das 8h30 às 17h.

2) Um passeio pelo Rideau Canal

Próximo ao Parlamento está localizado o Rideau Canal, um dos primeiros lugares de Ottawa a entrar na lista dos patrimônios da Unesco. O Canal é enorme e possui 202 km de extensão, ligando as cidades de Ottawa e Kingston. Na parte que margeia Ottawa há calçadões, bancos, áreas verdes e parques, provendo um passeio com uma vista bem bonita dos arredores.

Rideau Canal em Ottawa

Não deixe de visitar a área onde ficam as chamadas “Ottawa Locks”, as eclusas do canal, que ficam próximas ao famoso hotel Fairmont Château Laurier e no encontro com o Rio Ottawa. No inverno, é um passeio imperdível, já que o canal congela e se transforma no maior ringue de patinação do mundo, com 7,8 km de extensão.

Dia 2 em Ottawa

Para finalizar a sua estadia em Ottawa, separamos algumas atrações turísticas, como Catedral de Notre-Dame, a Galeria Nacional do Canadá e o Major’s Hill Park, que ficam muito próximas umas das outras.

1) Visite a National Gallery of Canada

Outro destaque em Ottawa é a National Gallery of Canada. Se você for ficar mais tempo na cidade, vale muito a visita, já que é a maior galeria de artes do país, com um acervo composto por mais de 25 mil obras e também pela maior coleção de Tom Thompsom e o Grupo dos 7. A atração chama atenção de longe, por sua arquitetura moderna e toda envidraçada, bem como pela escultura de uma aranha gigante em sua entrada, obra de cobre de Louise Bourgeois que tem mais 9 m de altura.

Endereço: 380 Sussex Dr, Ottawa;
Horário de funcionamento: das 10h às 17h. Apenas às quintas-feiras que funciona até às 20h;
Ingressos: $16 (adultos).

National Gallery of Canada em Ottawa

2) Conheça a Catedral de Notre-Dame

A Catedral de Notre-Dame, a maior e mais antiga igreja da cidade, é uma atração imperdível em Ottawa. Seu interior é lindíssimo, composto por arcos de estilo gótico e grandes colunas, com as cores azul e dourado predominando. Localizada na Sussex Road, uma das principais vias da capital, a Catedral de Notre-Dame tem entrada gratuita e fica aberta diariamente para visitas. Outro ponto alto da visita é prestar atenção em suas janelas com vitrais, que trazem descrições bíblicas para reflexão.

Endereço: 385 Sussex Dr, Ottawa;
Horário de funcionamento: segunda-feira das 11h30 às 18h / de terça a sábado das 9h às 18h / domingo das 8h às 20h30.

Catedral de Notre-Dame em Ottawa

3) Passeie pelo Major’s Hill Park

Na nossa lista de atrações em Ottawa, não poderia faltar um dos parques mais belos da cidade. O Major’s Hill Park é um lugar ideal para caminhar, fazer piqueniques, descansar, curtir a natureza ou apenas aproveitar a vista panorâmica que ele oferece do Parlamento. Se você for para Ottawa na primavera, saiba que o parque fica todo florido, colorido e com uma paisagem sensacional.

Major's Hill Park em Ottawa

Montreal: três dias

A viagem de Ottawa para Montreal dura cerca de 2h, quando feita de carro ou de trem. Montreal é a maior cidade da província de Quebec e a segunda mais populosa do Canadá. Em três dias por lá, dá para conhecer muitas de suas principais atrações turísticas e curtir a gastronomia.

1) Comece o dia no Complexo Olímpico

O Complexo Olímpico foi construído para as Olimpíadas de 1976. São construções grandiosas e a que mais chama a atenção é a Torre Inclinada do Stade Olympique, que tem uma inclinação de 45°. O legal é subir no topo dessa torre através de um bonde, onde tem um observatório com uma vista linda e de 360° de Montreal.

Complexo Olímpico e Biodôme em Montreal

Outro ponto interessante é que no interior do Complexo Olímpico foi criado o Biodôme, que é uma área fechada que reproduz quatro diferentes ambientes da América, com vegetação de cada local e vida animal também. O lugar é bem bonito e tem vários animais que encantam tanto os adultos quando as crianças.

Endereço: 4141 Pierre-de Coubertin Ave, Montreal;
Horário de funcionamento – Observatório: terça-feira a domingo das 9h às 17h;
Horário tour guiado pelo Complexo Olímpico: terça-feira a domingo às 10h30, 11h30, 13h, 14h30 e 16h;
Ingressos: Há um pacote que se chama DUO package, o qual inclui a visita ao Observatório e mais uma atração de sua escolha, podendo ser o Biodôme, Jardim Botânico ou Planetário Rio Tinto Alcan. O DUO package custa $41,25 (adultos) / $37,25 (maiores de 65 anos) / $31,50 (estudantes) / $20,75 (crianças e jovens entre 5 e 17 anos) / $108,50 (ingresso família para 2 adultos e até 3 crianças).

2) Conheça o Jardim Botânico de Montreal

Busca conhecer um lugar único em Montreal? Então, a nossa dica é para que não deixe de incluir o Jardin Botanique de Montréal em sua lista, uma vez que ele é um dos maiores jardins botânicos do mundo. Para você ter uma ideia do tamanho desse local, ele conta com cerca de 750 mil m² e foi fundado em 1931. O Jardin Botanique de Montréal possui 20 jardins temáticos, 10 estufas de exposição e 22 mil espécies de plantas.

Estátua do Jardim Botânico de Montreal

Por outro lado, os maiores destaques dessa atração são as esculturas esculpidas em plantas que ele guarda, sendo a mais famosa delas a estátua de uma mulher, conforme mostra a foto acima. Caso esteja planejando conhecer Montreal no inverno, saiba que a neve pode cobrir todas essas esculturas, então indicamos que organize bem o dia para realizar esse passeio.

Endereço: 4101 Sherbrooke St E, Montreal;
Horário de funcionamento: domingo à quinta-feira das 9h às 18h / sexta-feira e sábado das 9h às 19h;
Ingressos: $20,50 (adultos) / $10,25 (crianças de 5 a 17 anos) / gratuito para menores de 5 anos.

Jardim Botânico de Montreal

3) Visite o Mundo subterrâneo em Montreal

Por ter um clima muito frio durante boa parte do ano, Montreal tem uma incrível vida subterrânea, chamada de Underground City. É a maior rede de passagens subterrâneas do mundo, chamada de RÉSO. É um passeio bem legal de fazer em Montreal, pois são mais de 30 quilômetros de túneis que interligam a parte subterrânea de prédios, lojas, shoppings, centros comerciais e ainda ligam tudo com o metrô.

Interior Réso em Montreal

O local, em si, também é um destino ideal para quem quer fazer compras, pois apresenta mais de 1.500 lojas e 200 restaurantes interligados a cerca de 14 estações do metrô. O RÉSO está localizado no endereço 747 Rue du Square-Victoria #247, em Montreal, e funciona de segunda à sexta-feira das 8h às 18h.

Dia 2 em Montreal

Uma boa pedida é começar o dia em um dos mais importantes museus da cidade e depois conhecer a Velha Montreal. Nesse bairro charmoso, há muitas atrações turísticas e restaurantes sensacionais. E, se ainda tiver pique, confira nossa matéria sobre bares e baladas em Montreal.

1) Caminhe na Região de Old Montreal

Chamada em francês de Vieux-Montréal, a região de Old Montreal é a área da cidade que abriga as construções mais antigas do destino, as quais datam o século 17. O legal é ir andando pelas ruas para ver as antigas construções que hoje se tornaram edifícios do governo e comércios de todos os tipos. São várias ruas históricas bem procuradas pelos turistas e a principal delas é a Rue Saint Paul Ouest, que já foi considerada a principal da cidade.

Região de Old Montreal

2) Descubra o Museu de Belas Artes de Montreal

Chamado em francês de Musée des Beaux-Arts de Montréal, o Museu de Belas Artes de Montreal é um dos melhores complexos culturais da cidade, o qual existe desde 1860. O local abriga exposições fantásticas, do contemporâneo e moderno ao antigo. A quantidade do acervo do Museu de Belas Artes de Montreal supera as 40 mil obras, muitas das quais são temporárias, então é importante ficar atento às novidades. A entrada é cobrada, mas quem quer economizar pode visitar o local no último domingo de cada mês. Porém, é importante chegar cedo para não se deparar com uma fila tão grande.

Endereço: 1380 Sherbrooke St W, Montreal;
Horário de funcionamento: diariamente, das 10h às 17h;
Ingressos: $24 (adultos) / $16 (jovens entre 21 e 30 anos) / $12 (toda quarta-feira após às 17h) / entrada gratuita para menores de 20 anos.

Museu de Belas Artes de Montreal

Dia 3 em Montreal

Você pode deixar o oitavo e último dia do seu roteiro para conhecer o Oratório de Saint Joseph e o Parque Mont Royal. Os dois lugares são incríveis e transmitem muita paz e tranquilidade aos seus visitantes.

1) Visite o Oratório de São José em Montreal

O Oratório de São José é outro lugar fantástico para conhecer em Montreal, sendo uma basílica católica que começou a sua história na cidade com o religioso Alfred Bessette, em 1904. A primeira versão construída dessa igreja (1917) tinha capacidade para receber mil pessoas, mas a sua ampliação começou em 1924 e só terminou em 1967, transformando-a nessa construção majestosa que é possível visitarmos atualmente.

Fachada do Oratório de São José em Montreal

Para você ter uma ideia da grandiosidade do Oratório de São José, ele é visitado por mais de dois milhões de pessoas todos os anos. Outra curiosidade bem bacana é que essa igreja possui a segunda maior cúpula do mundo, perdendo apenas para a Basílica de São Pedro, que fica no Vaticano. O complexo do Oratório de São José também conta com um museu, que é bem interessante e dá para aproveitar a sua visita e conhecer.

Endereço: 3800 Queen Mary Rd, Montreal;
Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira das 8h às 17h / sábados e domingos das 7h às 20h30;
Ingressos: $4 (adultos) / $2 (crianças e jovens entre 6 e 17 anos) / $12 (ingressos família – válido para dois adultos e 2 crianças menores de 18 anos).

Interior do Oratório de São José em Montreal

2) Conheça o Parque Mont Royal em Montreal

O Parque Mont Royal se tornou um dos principais pontos turísticos de Montreal por seu tamanho, beleza e por ter sido criado pela mesma pessoa que projetou o Central Park em Nova York. No inverno, tem uma ótima pista de patinação no gelo e dá para fazer Esqui Cross Country, Esquibunda e Snow Shoeing. Um lugar muito bonito que muda de acordo com a estação do ano. Por lá ainda é possível alugar bicicletas, o que é ótimo para conhecer melhor o parque.

Vista panorâmica do Paque Mont Royal em Montreal

O Mont-Royal é um parque muito bonito para passear, correr, praticar esportes e passar um dia apreciando a vista da natureza. Para você ter uma ideia da importância do Parque Mont-Royal, ele é visitado por mais de 5 milhões de pessoas anualmente, principalmente pelo fato de contar com vistas incríveis desse destino. Outro ponto interessante é que o nome do parque vem do nome da cidade de Montreal, que pode ser traduzido para o português como Monte Real.

Endereço: 1260 Remembrance Rd, Montreal;
Horário de funcionamento: de segunda a quinta-feira das 6h às 00h / sexta-feira a domingo das 8h às 22h.

Quebec: 2 dias

A viagem de Montreal até Quebec dura cerca de 3h, caso você opte pelo carro ou trem. Caso prefira um trajeto mais rápido, saiba que o voo de avião entre esses dois destinos dura cerca de 40 minutos. Considerada o coração da cultura francesa no continente, a charmosa Quebec é um lugar encantador no país, com ares europeus, casas antigas, capelas históricas, ruas de paralelepípedo e castelos, mas também com construções modernas. Quebec é uma cidade de contrastes e tem muita história para contar!

1) Conheça a Vieux-Québec

Quebec é belíssima e dá para ter uma boa ideia disso nesta região super charmosa da cidade, na Vieux-Québec. Dividida em duas partes, a Basse Ville (baixa cidade) e Haute Ville (cidade alta), além de ser um dos principais cartões-postais, é também nessa região que se concentram muitos dos pontos turísticos de Quebec. Na cidade alta, você encontra o Château Frontenac, um castelo magnífico onde está instalado um hotel super luxuoso, e o Terrasse Dufferin, basicamente um enorme terraço que propõe uma vista muito bonita do rio São Lourenço.

Vieux-Québec

Na parte baixa, há o Quartier Petit Champlain, uma área com restaurantes, galerias de arte e lojas típicas da cidade, e a Place Royale, uma região histórica aonde está localizada a igreja Notre-Dame-des-Victoires. O acesso entre as duas partes pode ser feito a pé, que é super bacana para conferir cada detalhe da cidade, ou através do funicular, que é uma ótima opção para subir (da cidade baixa para a alta), por exemplo, ou também para apreciar a vista.

2) Visite o Observatoire de la Capitale

Se tem algo que é importantíssimo na hora de conhecer uma cidade, é visitar um observatório para ter uma dimensão da grandiosidade do lugar. Por isso, colocamos o Observatoire de la Capitale entre os primeiros lugares da sua lista do que fazer em Quebec, para você iniciar a sua estadia se apaixonando pela cidade. O Observatório, localizado no 31º andar do edifício Marie-Guyart Building, na Vieux-Québec, propõe uma vista panorâmica de Quebec, perfeita para você identificar as principais atrações lá de cima.

Entrada: $14,75(adultos);
Horário de funcionamento: de terça-feira a domingo das 10h às 17h;
Endereço: 1037, rue De La Chevrotière, 31e étage, Quebec.

Vista do Observatoire de la Capitale em Quebec

Dia 2 em Quebec

O último dia do seu roteiro do Canadá você pode dedicar a conhecer um pouquinho mais sobre a história da cidade e do país. Quebec, por exemplo, é a única cidade murada da América do Norte. São 4,6 km de extensão localizados na parte alta da Vieux-Québec, que propõe um passeio bem bacana (além de gratuito) para ficar mais perto da história do local.

1) Conheça a Citadelle

Outra atração que não pode faltar no seu roteiro por Quebec é a Citadelle. O excêntrico edifício, em formato de estrela, que foi construído entre 1820 e 1831 como uma fortaleza para tropas britânicas em Quebec. Atualmente, a Citadelle abriga um Museu de História Militar e também o quartel para o 22º Regimento Real do Canadá.

O museu traz um acervo com mais de 300 anos de história militar, desde o período colonial francês. Entre os artigos, há medalhas de campanha, artigos das Grandes Guerras Mundiais, além de bandeiras, estandartes e armas históricas, vale muito a pena conhecer! Aproveite para conferir também a nossa matéria sobre os melhores museus de Quebec.

Endereço: 1 Côte de la Citadelle, Quebec;
Horário de funcionamento: diariamente, das 9h às 17h;
Ingressos: $18 (adultos) / $16 (estudantes e idosos com mais de 65 anos) / $6 (jovens entre 11 e 17 anos) / Gratuito (menores de 10 anos).

2) Visite o Hôtel du Parlement

Aproveite a proximidade e conheça o Hôtel du Parlement no mesmo dia do Observatoire de la Capitale, pois eles possuem um distância de menos de 5 minutos a pé um do outro. A grandiosidade do edifício do Hôtel du Parlement é o que mais chama atenção nessa atração. Na frente, você ainda encontrará lindíssimos jardins ornamentados e muito bem cuidados, fazendo com que a visita fique muito mais prazerosa.

Hôtel du Parlement em Quebec

No interior, prepare-se para encontrar luxo e opulência, que se unem para criar um ambiente super requintado e abrigo da Assembleia de Quebec. Se você quiser conhecê-lo a fundo, saber mais sobre como se dá a administração política do Canadá e de Quebec, o Parlamento é aberto ao público, tem acesso gratuito e visitas guiadas em francês e em inglês.

Endereço: 1045 rue des Parlementaires, Quebec;
Entrada: gratuita.

Como achar hotéis por preços incríveis no Canadá

Uma ótima dica para achar ótimos hotéis com preços incríveis, na região que você quer e economizar muito na hospedagem é usar esse Pesquisador de Hotéis do Canadá. Nós sempre usamos, pois é o maior site de reservas de hotéis do mundo e por isso é o melhor lugar para reservar com confiança e segurança. Sem falar que ele tem todos os hotéis de Montreal, Toronto, Vancouver, Quebec, do Canadá e do mundo nas suas pesquisas, e com preços imbatíveis pela forte negociação que fazem com os hotéis. Nós sempre fazemos nossas reservas por lá para não ter problemas e sempre economizamos muito. E tem a opinião de brasileiros que já ficaram nos hotéis, o que ajuda muito na hora de avaliar cada um. Uma dica que é excelente é quando fizer a pesquisa, filtrar depois por “Bairro”, onde você pode selecionar as regiões, e também “Avaliações dos hóspedes” e colocar “Muito bom para cima”. Você terá uma pesquisa com os melhores hotéis, nas melhores regiões e com avaliações excelentes dos hóspedes. É a garantia de uma excelente hospedagem pelo melhor preço no Canadá.

Dica para usar seu celular à vontade no Canadá

Poder usar seu celular no Canadá e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 dólares por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem ao Canadá nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade no Canadá. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre o roteiro de 10 dias no Canadá quando estiver lá.

Dica para usar seu celular à vontade no Canadá

Não se esqueça do Seguro Viagem para o Canadá

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. O que muitas pessoas não sabem é que ele é super barato. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para o Canadá com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica dos ingressos para passeios e excursões

Outra dica importante é sobre os ingressos para os passeios e atrações. Comprar antes pela Internet é sempre a melhor opção, pois além dos preços serem sempre menores, você evita as longas filas nas bilheterias, não precisa perder tempo da sua viagem se preocupando com isso e não corre o risco deles terem se esgotado. Nós acabamos comprando todos os passeios e ingressos nesse site aqui de Ingressos e excursões no Canadá, e achamos ótimo. Como eles são o maior site de ingressos e excursões do mundo, já tem todas as opções lá e você já compra tudo em um único lugar, e de empresas de confiança. É legal que já vai abrir na página com todos os passeios e ingressos do Canadá, na ordem dos mais vendidos, que são os mais procurados. Você pode mudar para qualquer outra cidade também digitando lá em cima o nome dela. Nós compramos tudo lá e os que mais recomendamos são os Passeios de Ônibus Turístico que tem em todas as cidades, a excursão para a Grouse Montain e a famosa Ponte Capilano (esse é em Vancouver) e a Excursão para as Cataratas do Niagara (para quem for para Toronto). Todos os passeios foram ótimos e a estrutura excelente. Para as excursões, eles te buscam no próprio hotel.

Excursão para as Cataratas do Niágara

Veja outras matérias imperdíveis do Canadá:

Como dirigir no Canadá: Dicas de como dirigir seu carro neste país.
Visto para o Canadá: Saiba como retirar o seu visto para entrar neste país.
Como achar ótimos hotéis bem baratos no Canadá: Dicas para garantir a sua hospedagem com ótimo custo-benefício.

Tags:

2 comentários

  1. Boa tarde! Ótimo o seu post, estou me preparando para passar 14 dias no Canadá no final de junho/2017. Minha base será Montreal, pois tenho um familiar morando lá. A minha dúvida é a seguinte: tenho a ideia (roteiro ainda sendo construindo) de ficar do dia 16 a 24/06 em Montreal e 25 a 29/06 em Toronto (de onde seguirei pra NYC). Nesses dias em Montreal, vale a pena incluir outra cidade como Québec ou Ottawa? Vale a pena um bate volta nessas cidades ou preciso pernoitar? Posso passar em Ottawa a caminho de Toronto e esquecer Québec? Ou passo mesmo esses dias aproveitando Montreal?
    O que vc sugere? Tb aceito outras ideias. Muito obrigada.

    1. Boa tarde! Acho que 8 dias é bastante em Montreal, então seria legal sim você ir conhecer Quebec ou Ottawa. Elas são cidades bem legais e bonitas, mas como não são tão grandes como as outras, 2 dias é um tempo legal para conhecer cada uma. Um dia só fica muito corrido e ai não vale tão a pena a viagem até elas. Nos gostamos muito de Quebec e se der aconselhamos a passar uns 2 dias lá nesse período de Montreal. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *